Criptomoedas valorizam mais de 100% no primeiro trimestre e se destacam como opção de investimento