Aumento de impostos para mais ricos e empresas de alto lucro é defendido pelo FMI para amenizar crise